Energia-solar-agronegocio-Goias-revolução

Energia Solar para Agronegócio em Goiás: A Revolução do Campo!

No estado de Goiás como um todo, o potencial de energia solar para agronegócio é muito alto, se comparado a outras regiões do país, pois a incidência do sol é praticamente o ano todo.

Dessa forma, a energia solar para o agronegócio em Goiás pode ser utilizada para acionar as bombas de irrigação, melhorar o rendimento das produções e economizar os custos com outros combustíveis, como o diesel.

No entanto, muitos agricultores e pequenos produtores ainda ficam com receio de investir em um sistema de energia solar, seja pelo custo ou até por achar que é um investimento que não vale a pena.

Por isso, reunimos aqui as principais informações sobre energia solar para o agronegócio, e assim, você vai poder tirar todas as suas dúvidas!

Simulador de energia solar

Vantagens da energia solar para o agronegócio em Goiás?

A energia solar faz parte das fontes de energia renovável imediatamente disponíveis, e por que não aproveitar a energia solar para o agronegócio em Goiás?

Por isso, listamos abaixo as principais vantagens de investir em energia solar no seu agronegócio:

Vantagem 1 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Energia para todas as atividades

ENERGIA SOLAR – BENEFÍCIOS DA FOTOVOLTAICA NO SETOR RURAL

Independentemente de qual seja a sua atividade, você precisa de energia para sua produção.

No entanto, dependendo da sua localidade, pode ter problemas com a distribuição de energia, o que acaba impactando negativamente seu negócio.

Por outro lado, com a energia solar, não vai precisar interromper nenhuma produção.

Vantagem 2 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Redução de custos

Um dos custos que mais pesa no agronegócio é a tarifa de energia elétrica, especialmente por conta da elevada carga tributária, podendo chegar até 50%.

Com o uso da energia solar, a conta de energia pode diminuir em até 95%, o que permite usar essa economia para investir em outros setores, aumentar a produção e competitividade.

Vantagem 3 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Independência energética

Seca Histórica: estiagem ameaça a geração de energia no Brasil

Por conta da crise hídrica, a energia solar contribui para a independência energética, uma vez que o produtor rural não precisa ficar sujeito às variações das tarifas de energia.

Vantagem 4 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Retorno sobre o investimento

Geralmente, os painéis solares têm uma durabilidade de 25 anos, cujo retorno sobre o investimento ocorre no período de 5, 8 anos.

E comparando com outros tipos de investimento, a energia solar é a mais rentável.

Além disso, o risco de investimento é muito baixo, pois a geração da energia depende principalmente do bom funcionamento da usina.

Vantagem 4 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Autoconsumo

Exemplo de investimento viável e altoconsumo remoto

Todo o excedente de energia gerada que não é consumida, é lançada na rede da concessionária, sendo convertida em créditos que podem ser utilizados posteriormente ou abatidos nas próximas contas.

Por exemplo, o titular pode utilizar esses créditos em outras propriedades, ou mesmo em dias de baixa ou nenhuma geração de energia.

Vantagem 5 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Preservação do planeta

Ao escolher a energia solar, você estará contribuindo para a transição energética e preservação do nosso planeta.

Em vista das emissões de gases efeito estufa, a energia solar é 96% menos de emissões de gases que o carvão, por exemplo.

Vantagem 6 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Energia estável e durável

Seu agronegócio precisa de energia para funcionar. Diferentemente das energias fósseis, a energia solar é uma fonte de energia inesgotável.

Por sua vez, isso fornece muito mais segurança ao seu negócio, pois nunca correrá o risco de ficar sem energia.

Vantagem 7 da energia solar para o agronegócio em Goiás: Facilidade de instalação e manutenção

A instalação de sistema solar fotovoltaico é bastante simples, inclusive a produção não é prejudicada durante a instalação.

Além disso, a manutenção é fácil, seja com um pano molhado ou com o uso de mangueiras. Porém, a própria água das chuvas se encarrega do trabalho.

Como funciona o sistema de energia solar fotovoltaico para o agronegócio?

Uma célula fotovoltaica é um componente eletrônico que, exposta à luz, gera uma tensão elétrica (volts). Esse efeito é chamado de efeito fotovoltaico.

Dessa forma, os painéis fotovoltaicos captam os raios do sol e transformam a luz do sol em energia elétrica.

Graças ao inversor, a energia é transformada de contínua para corrente contínua, disponibilizando a energia para a unidade consumidora.

Onde usar a energia solar para o agronegócio em Goiás?

O grande diferencial do estado de Goiás é a incidência de luz solar, o que facilita a instalação de energia solar, a qual pode ser utilizada nas mais variadas atividades:

  • Irrigação: o processo de irrigação dispende muita energia, além de cada tipo de plantio exigir uma quantidade de água diferente, onde é possível automatizar esse processo com a energia solar;
  • Iluminação: mesmo com a luz natural, a iluminação é necessária em períodos noturnos ou em locais que não recebem luz suficiente;
  • Ordenha: em algumas fazendas leiteiras, a ordenha é mecânica, necessitando de energia para todo o processo;
  • Secagem: o processo de secagem de grãos demanda muita energia, para que os grãos não mofem e fiquem conservados;
  • Cercas elétricas: as áreas de plantação e cultivo precisam estar protegidas com cercas elétricas, as quais também precisam de energia para funcionar;
  • Manutenção de refrigeradores: dependendo da atividade, produtos perecíveis precisam ser mantidos sob refrigeração, como é o caso da produção leiteira;
  • Regulagem de temperatura: essencial nas criações de vacas leiteiras, frangos e suínos;
  • Ventilação: seja para promover o aumento da produtividade ou o conforto dos animais, é necessário ter um sistema eficaz de ventilação 24 horas, o que se traduz em alto gasto com energia.

E sem falar nos próprios escritórios, onde a internet tem papel crucial na gestão.

Qual o preço da energia solar para o agronegócio?

Para definir o preço de energia solar para o agronegócio em Goiás, é necessário que uma empresa instaladora analise a viabilidade do projeto, para então fornecer o preço.

Por exemplo, avaliar a média de insolação da propriedade, assim como qualquer sombreamento.

Outros fatores que são levados em consideração são:

  • Consumo atual de energia;
  • Atividades exercidas;
  • Localização;
  • Tecnologia;
  • Equipamentos;
  • Tamanho da unidade consumidora e da central geradora.

Lembrando que o projeto é personalizado, a fim de suprir e atender aos objetivos de cada produtor rural.

Incentivos fiscais para instalar energia solar para o agronegócio em Goiás?

Agronegócio Notícias – Imposto de importação de equipamentos para energia solar é zerado

O mercado de energia solar no agronegócio já ultrapassou R$ 1,7 bilhão de investimento em 2020. E segundo pesquisas, em 2021, o setor rural já representa 13,1% da potência instalada no país.

O projeto Goiás Solar oferece diversos incentivos fiscais para a instalação de energia solar para o setor do agronegócio:

  • Isenção de ICMS para produtores rurais que produzirem sua própria energia;
  • Isenção de ICMS para a compra de insumos de fabricação de painéis solares;
  • Crédito Produtivo de até R$ 400 mil.

Linhas de financiamento para energia solar para o agronegócio em Goiás?

Hoje em dia, existem várias linhas de financiamento com condições diferenciadas para a instalação de energia solar para o agronegócio em Goiás.

Vários bancos, públicos e privados, além de cooperativas de crédito, vêm disponibilizando linhas de crédito com taxas muito atrativas, prazos e pagamentos diferenciados.

Para o setor fotovoltaico, são disponibilizadas duas linhas de crédito: Pronaf Eco e Pronaf Mais Alimentos, ambas com taxa de juros de 2,5% ao ano e participação do BNDES, inclusive com a possibilidade de financiar até 100%.

Como funciona a energia solar para o agronegócio em Goiás com baterias?

Como já mencionado, o excedente de energia gerada pode ser injetada na rede de distribuição ou convertida em créditos, mas pode ser também armazenada.

Através de baterias, é possível estocar essa energia e usá-la posteriormente.

Por exemplo, em dias de chuva ou se a localidade sofre com muitas quedas de energia, o uso de baterias é uma ótima alternativa.

Quanto à duração de uma bateria de armazenamento solar, vai depender de quantas vezes foi carregada, ou seja, segundo o seu uso e o tipo de bateria.

Vale a pena investir em energia solar para o agronegócio em Goiás?

Energia solar: investimento vale a pena?

Atualmente, investir em energia solar para o agronegócio em Goiás é a melhor alternativa.

Além da capacidade de gerar energia necessária, a redução nos custos tarifários é absurda, em até 95%.

E sem falar na preservação de recursos para as futuras gerações, promovendo um desenvolvimento sustentável.

No entanto, é importante encontrar uma empresa certificada para instalação de energia solar em Goiás, para elaborar um projeto que atenda às necessidades de cada produtor rural.

Apenas a título de curiosidade, o estado de Goiás está entre os dez estados brasileiros que mais investem em energia solar, onde o setor de agronegócio vem se despontando!

Isso mostra que realmente vale a pena investir!

A Sunray Energia Solar está a sua disposição para tirar qualquer duvida.

Simulador de energia solar
Gostou? Compartilhe!

Endereço
Av. C-4 Nº36 QD 489 LT 5/6/8 - Jardim America, Goiânia - GO, 74265-040

Horário                         

Segunda - Sexta 08:00 - 18:00